Húngaros que viviam em cavernas herdam fortuna de R$ 11,5 bilhões

Parece história que somente vimos em filmes, mas não, aconteceu na vida real.

Zslot e Geza Peladi, dois irmãos sem teto que dormiam em cavernas na Hungria e passavam o dia mendigando centavos nos arredores de Budapeste, vão receber, juntamente com uma irmã, uma herança de 4 bilhões de libras (11,5 bilhões de reais), deixada por uma avó deles.

Os três, que vivem atualmente nos Estados Unidos à base de subempregos, foram contatados por advogados responsáveis pelos bens da avó materna, que faleceu recentemente em Baden-Württenberg, Alemanha.

“Sabíamos que a nossa mãe vinha de uma família rica, mas ela era uma pessoa muito difícil e cortou relações com os familiares e depois nos abandonou. Perdemos o contato com ela e com o nosso pai”, disse Geza, de 43 anos.

“Nossa vida vai melhorar. Tudo o que nós tínhamos era um ao outro. Pode ser que com o dinheiro consigamos encontrar parceiras. Nenhuma mulher nos olhava morando em cavernas”, emendou.

Queria eu ter uma avó ou avô perdido por aí, de preferência milionário.

Anúncios

Sobre brurobiati

Pisciana, faço jus ao signo. Sonhadora, emotiva e receptiva. Jornalista (diplomada sim), apaixonada por comunicação, animais, natureza e por pessoas de bem com a vida.
Esse post foi publicado em Geral e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s